Notícias

Fique por dentro de tudo o que acontece na Faculdades EST.

Um tempo que não volta mais


Um tempo que não volta mais

Os olhos curiosos que examinavam o campus da Faculdades EST no início de outubro, ora pareciam sobressaltados pelas mudanças, ora marejados pelas recordações dos tempos vividos no local. Esse foi o impacto da visita sobre Bettina Warnke Klaucke, que estudou no Instituto Pré-Teológico na década de 1950. “Eu vim para cá aos 11 anos, mas as meninas ficavam separadas dos meninos”, ressaltou ela, sobre os espaços de convivência da época. “Muitas meninas já tinham namorados, mas esses casais não podiam ficar juntos. Tudo acontecia escondido. Até as cartinhas eram enviadas escondidas”, falou com nostalgia.

Bettina veio até o Morro do Espelho acompanhada por seu esposo Peter Klaucke, por seu irmão Andreas Warnke e a esposa dele Mechthild Warnke. O grupo da Alemanha teve a companhia durante a visita do casal de amigos Leonice e Eloy Teckemeier, que também se surpreendeu com as reformas que estão em andamento na Faculdades EST.

A dificuldade para caminhar, não impediu Bettina de explorar novamente os espaços que fizeram parte de sua infância e a juventude. Os passos ligeiros do tempo de criança, agora, apresentam outro ritmo, amparado, ainda, pelo uso da bengala. Mas isso não foi impedimento para que ela subisse até o quarto piso do Prédio H, carinhosamente chamado de prédio rosa, e que é patrimônio histórico do Rio Grande do Sul. Aliás, essa informação sobre a manutenção e cuidado com o prédio deixou a ex-aluna muito feliz. Bettina ficou surpresa ao chegar no último andar do prédio, onde ela nunca havia estado. “A gente não podia subir aqui em cima, era uma espécie de Olimpo”, disse ela, lembrando que apenas os meninos tinham acesso ao último andar do prédio. Pela janela, lá do alto, ela teve uma nova visão do campus, onde viveu e estudou durante quase uma década.

Bettina ficou surpresa com as reformas do prédio histórico e a recuperação dos ambientes. Um dos poucos lugares que lhe pareceu igual foi a sacada. No terceiro andar do Prédio H, puderam ver alguns resultados das reformas, como as novas classes e cadeiras, os equipamentos digitais e a recuperação do piso. “Na minha época era somente aquele quadro verde e as classes de madeira”, lembrou Bettina, que também ficou surpresa com o espaço multimídia, um pequeno estúdio equipado para gravação de áudio e vídeo, de caráter acadêmico.

Como a sua ligação era com o Prédio H, que abrigou até 1976 o Instituto Pré-Teológico, foi por aquele ambiente que a memória de Bettina foi resgatada. Ela ficou surpresa com o Auditório do Prédio H, que, antigamente, dava lugar ao refeitório dos estudantes. Logo que entrou no prédio ela parou em frete à escadaria, pensativa. “Na época do advento era comum ornamentarem essa escadaria. Aqui os estudantes se reuniam e recitavam versos sobre o advento, sempre em língua alemã. Eram versos da Bíblia sobre o advento”, destacou Bettina.

No espaço externo, ela reparou em muitas diferenças, disse que muita coisa mudou, mas que a caixa d’água continua igual. “À noite, os meninos sempre queriam subir na caixa d’água”, era a arte da época. “E as meninas cantavam à noite, acompanhadas pela Tante Inge, que tocava violão”.

Ela conta que a diversão de todos, meninos e meninas, era sair à noite para roubar laranjas no pomar! “A gente levava as sacolas usadas para colocar a roupa suja, assim, se nos vissem caminhando à noite, não iriam desconfiar”, contou Bettina.

Em 1953, Bettina retornou com os pais para a Alemanha, onde concluiu seus estudos. Além dela, outros dois irmãos também estudaram no antigo IPT, mas nunca retornaram para rever o espaço.

Visite a página do facebook/est.oficial e veja o álbum de fotos da visita de Bettina Warnke Klaucke.

Jornalista responsável: Mariana Bastian Tramontini


Fique por dentro


Fique por dentro do que acontece na Faculdades EST. Confira abaixo as últimas notícias:

Receba novidades da Faculdades EST por e-mail

Fique por dentro de tudo o que acontece na Faculdades EST. Preencha o seu endereço de e-mail no campo ao lado para que possamos lhe enviar mais informações. Prometemos não enviar SPAM´s nem tampouco divulgar o seu endereço para terceiros.